Três cavalos

ISBN 85-86387-99-1 Ao começar este Blog há quase cinco anos, falei que queria “compartilhar ideias, livros e indicações”. Como bônus, tenho descoberto livros e autores sensacionais a partir de sugestões dos leitores, o que é uma vantagem inesperada.   É o caso de Erri De Luca (Nápoles, 1950), autor de dezenas de obras a partir de 1989, indicado … Continuar lendo Três cavalos

Apátridas

ISBN 978-85-359-3306-2  Há pouco tempo, o estado de Mato Grosso era um completo desconhecido para mim, inclusive em termos de literatura. Nunca estive lá, não me lembro de ter conhecido alguém de lá e só conversei algumas vezes com uma pessoa que trabalhou na capital por um tempo, na árdua tentativa de recuperar a companhia … Continuar lendo Apátridas

Um outro Brooklin

ISBN 978-65-5114-007-5  Jacqueline Woodson (Columbus, OH, 1963) é uma escritora americana com mais de trinta obras dirigidas ao público infantil e juvenil. Ela também escreveu três romances para o público adulto, dos quais um deles foi traduzido para o português: Um outro Brooklin (Todavia, 2020, tradução de Stephanie Borges, 120 págs.).  O livro é narrado por uma garota, Augusta, … Continuar lendo Um outro Brooklin

Chapadão do Bugre

ISBN 978-85-513-0329-0  Há pouco mais de um ano, trouxe ao Blog um autor brasileiro do século passado de quem nunca ouvira falar antes. Era o mineiro Mário Palmério (Monte Carmelo, 1916 – Uberaba, 1996) com seu primeiro romance, Vila dos Confins.  Depois de ler aquela obra, comprei o outro romance de Palmério,  Chapadão do Bugre  (Autêntica, 13ª edição, 2019, 408 … Continuar lendo Chapadão do Bugre

A morte e o meteoro

ISBN 978-65-80309-50-4  Joca Reiners Terron (Cuiabá, 1968) é um poeta, prosador, artista gráfico, editor e tradutor que nasceu no Mato Grosso, estudou no Rio de Janeiro e em São Paulo, cidade onde vive há mais de 25 anos.  O primeiro livro dele que peguei nas mãos, na extinta FNAC da avenida Paulista em que ia quase diariamente, foi Noite … Continuar lendo A morte e o meteoro

Tempos ásperos

ISBN 978-85-5652-107-1  Os ásperos tempos é o título do primeiro romance da trilogia d’Os subterrâneos da liberdade que Jorge Amado escreveu sobre o período da ditadura Vargas (1937-1945), quando o líder brasileiro se aproximava perigosamente das nações do Eixo.  Pois o novo romance de Mario Vargas Llosa recebeu praticamente o mesmo título, Tempos ásperos, para mostrar a nociva … Continuar lendo Tempos ásperos

Como a democracia chega ao fim

ISBN 978-85-88808-13-3 Após falar pela segunda vez sobre Como as democracias morrem, livro dos professores da Universidade de Harvard Steven Levitsky e Daniel Ziblatt, comento outro sob o mesmo assunto, que li depois e até gostei mais. É um livro quase homônimo, mais acadêmico e profundo, e com a mesma facilidade para ler: Como a democracia chega ao fim (Todavia, 1a. Reimpressão, 2018, tradução de Sergio Flaksman, 272 págs), de David … Continuar lendo Como a democracia chega ao fim

Como as democracias morrem (2)

ISBN 978-85-378-1800-8  Nos últimos anos, por força de acontecimentos em regimes democráticos antigos ou mais recentes, surgiram diversos livros para questionar o futuro da democracia ou alertar que sua derrocada poderia estar próxima.   Escrevi sobre um desses livros há dois anos, mas preciso voltar àquele post e mudar minha opinião.  Em dezembro de 2018, com o … Continuar lendo Como as democracias morrem (2)

Os supridores

ISBN 978-65-5692-071-9  Depois de mostrar o fenômeno de Itamar Vieira Junior e Torto arado, queria trazer outro autor que também desponta no atual cenário literário brasileiro. Trata-se do gaúcho José Falero (Porto Alegre, 1987), que escreveu em 2019 uma elogiada coleção de contos (Vila sapo, esgotada), livro que abriu as portas para o lançamento de seu primeiro romance … Continuar lendo Os supridores

Torto arado

Ilustração da capa, de autoria da artista Linoca Souza ISBN 978-65-80309-31-3  No dia em que eu escrevo este post, Torto arado é o título mais vendido em literatura e outras categorias no site brasileiro da Amazon há vários meses. A edição (Todavia, 2019, 264 páginas) já vendeu mais de 70.000 exemplares, dados provavelmente desatualizados, fato que é motivo de surpresa e … Continuar lendo Torto arado